Siga nossas redes

Saúde

Família mobiliza campanha: “Juntos pelo Joaquim”

Mobilização ocorre para realizar exames e descobrir a doença de Joaquim

Publicado há

em

Foto: Arquivo pessoal

Nas redes sociais, a família de Joaquim Rubem, de 11 meses, mobiliza campanha para realizar exames em São Paulo e diagnosticar suspeitas de doenças do pequeno Joaquim, que possui epilepsia e paralisa cerebral, resultantes de crises por causas desconhecidas desde o nascimento e suspeita de alergia a proteína do leite de vaca , a APLV.

Para a família de Joaquim, o exame, conhecido como Exoma, é a esperança para descobrir o problema de saúde. O exame analisa mais de 20 mil genes com o objetivo de analisar geneticamente as possíveis causas da doença.

A mãe de Joaquim, Jussara Araújo da Silva, relatou que a gestação e parto foram tranquilas e ocorreram sem nenhuma complicação. Porém, nas primeiras 24 horas de nascido, Joaquim começou a sofrer fortes crises de convulsão que resultou em uma internação que durou 4 meses.

Após o nascimento, Joaquim teve crises de convulsão e duas infecções causadas por germes e bactérias, conhecidas como Sepse’s, que invadem a corrente sanguínea e provocam uma intensa resposta inflamatória por todo o organismo.

Joaquim também precisou fazer cirurgias no intestino delgado, conhecida como enterocolite e resultante da exposição à bactérias; uma traqueostomia, procedimento no qual se cria um orifício na frente do pescoço que dá acesso à traqueia e também uma gastrostomia, abertura criada no estômago para a parede do abdome.

Embora diversos exames tenham sido realizados, ainda não obtiveram um diagnóstico que indique a causa do problema.

Dificuldades

As dificuldades aumentaram após a mudança de cidade, de Tabatinga para Manaus, onde a mãe, Jussara, teve que pedir transferência do trabalho e o pai, Helielson Rubem Pereira, pedir demissão para poder cuidar de Joaquim.

Com a mudança, o casal atualmente mora em uma casa alugada e precisam realizar exames, acompanhamento médico, medicamentos, cirurgias e dieta especial que são custeados por um plano de saúde que não cobre todos os cuidados necessários.

Uma “vaquinha” foi criada na internet para ajudar a pagar as dividas e os próximos procedimentos a serem realizados. Até o momento, com a meta de 120.000,00 reais, quase 28 mil já foram arrecadados.

Formas de ajudar:

Link da Vakinha: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/juntos-pelo-joaquim-jussara-araujo-da-silva

Transferência direta:

Agência: 0001 / Conta corrente: 7591118-8 – Banco 260 Nu Pagamentos S.A

Cpf: 936.115.362-53 – Jussara Araujo da Silva

Pix: 92 99255-6744

Ou em contato direto com os pais:

92 99255-6744 – Jussara, mãe

97 99175-8619 – Rubem, pai

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

•••
•••

+ vistos

×