Siga nossas redes

Popular

Soldados rivais desprezam bandeira de brasileiro morto em combate da Ucrânia

Publicado há

em

Reprodução

Uma bandeira brasileira que era levada pelo soldado brasileiro André Luís Hack Bahi, de 44 anos, morto em combate na guerra na Ucrânia há um mês, foi exibida com desprezo por um militar checheno, que supostamente atua do lado russo no conflito. André Hack carregava a bandeira em sua mochila quando foi fuzilado ao lado de tropas ucranianas na região do Donbas.

Em um vídeo publicado no Twitter, no dia 2, é possível ver a assinatura de André e de outros integrantes do seu pelotão. O vídeo viralizou nas redes sociais e revoltou parentes e amigos.

“Os chechenos mataram e roubaram a mochila com a bandeira do Brasil que meu irmão carregava durante o combate em Severodonetsk, e andam debochando dos brasileiros que foram para a Ucrânia. Meu irmão não fugiu como dizem”, disse a irmã de André, Letícia Hack, ao Estadão.

Brasileiros mortos

O Itamaraty confirmou, por meio da Embaixada do Brasil em Kiev, a morte de dois “nacionais brasileiros”, elevando a três o número de combatentes do País mortos na guerra na Ucrânia. A morte de Douglas Rodrigues Búrigo, de 40 anos, já tinha sido confirmada por sua família. Entre os mortos também está Thalita do Valle, de 39 anos. Em seu perfil no LinkedIn, Thalita se identificava como combatente voluntária peshmerga, que são as forças curdas que lutaram contra o Estado Islâmico no Iraque e na Síria.

*Estadão Conteúdo

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

•••
•••

+ vistos

×